6.12.07

Haiku no espaço


A. G. Barrows

esta estrada
ninguém desce nela
noite de outono

Matsuo Basho

6 comentários:

un dress disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
un dress disse...

esta estrada

serpenteia na lua

pálido silêncio




:)

Dalaila disse...

esta estrada que nos dispersa

Anónimo disse...

olá! :-)
l

angela disse...

No antigo tanque
uma rã mergulha
o som da água

Basho


:)

K. disse...

essas estradas
beijadas pelo vento
sob o rasto de cometas


:)