10.9.07

o espaço em dois olhares


Zhuang Zi

Esta vista de mar, solitariamente,
dói-me. Apenas dois mares,
dois sóis, duas luas
me dariam riso e bálsamo.
A arte da Natureza pede
o amor em dois olhares.

Fiama Hasse Pais Brandão

Mesmo vendo todos, as mesmas coisas, de maneiras diferentes...

6 comentários:

un dress disse...

...


vezes dois

vezes

vezes

vezes

d o i s

nana disse...

mesmo assim...

tudo nos é o que somos.
juntos.
dentro.

Teresa Durães disse...

gosto das fotografias mas não preciso de pares. O mar é imenso e soltário dá.me bálsamo que chegue!

gin tonic disse...

água, água, água...as tuas pegadas na areia da praia. amo-te muito.

eyes shut disse...

dois olhares, o mesmo mar, o mesmo sol, a mesma lua... horizontes cheios de partilha...

Dalaila disse...

a partilha em dois olhares dá um horizonte mais longíquo, mais preenchido, mais cheio, mais, mais...atractivo...
que haja a capacidade de num olhar haver mais....

Boa tarde!