10.5.08

Subitamente no espaço


Carla Van de Puttelaar


E de súbito desaba o silêncio.
É um silêncio sem ti,
sem álamos,
sem luas.

Só nas minhas mãos
oiço a música das tuas.

Eugénio de Andrade

7 comentários:

Anónimo disse...

PARABÉNS SEU BLOG É DEMAIS.

ENCONTREI O SEGUINTE BLOG QUE SEI QUE VAIS AMAR:

http://conversasescritas.blogspot.com/

CHUAC

ANDREIA

scaramouche disse...

parabéns pelo blog.

un dress disse...

mãos

de

sinfonia

braços

nus




beijO

mariadosol disse...

Eugénio sempre. Palavras sem gordura. Palavras de fibra...
:)

L. disse...

sento-me

vou beber mais um chá

volto a esperar

jackpot disse...

I agree with you about these. Well someday Ill create a blog to compete you! lolz.

Momentos disse...

...tão lindo...