1.1.08

2008, um espaço de avanço.





Demeny and Marey

Contou que caminhava pela praia, nu, correndo.

A areia, o sol, o mar
e a profundidade extenuante do céu embriagavam-no.

Tinha extrema consciência da sua nudez,
e isso também o embriagava.

Ia com um projecto, ou uma missão, estava carregado disso,
mas tratava-se de uma coisa inominável.

(...)

Herberto Helder

Depois de avaliar, bons propósitos para 2008!
Avancemos!

8 comentários:

angela disse...

um novo mergulho

bom 2008 :)

dora disse...

.. para trás?

Dalaila disse...

corramos!

corpo visível disse...

.
ou como embriagar os sentidos.
.
e os dias.
.

Cometa 2000 disse...

obrigado angela. bom 2008 também para ti.

espero que não dora. :)

dalaila, é o que me sugerem os arranques. depois o tempo marcará o seu ritmo, não?
bom 2008!

dia a dia, visível, dia a dia. :) bom ano para ti!

rosasiventos disse...

único dia de meses atravessando num a doer as pernas de te correr a fio e o peito de atravessar de através ainda antes pensei sempre

bom ano...:)

Plum disse...

Avancemos então!
Abraço!***

un dress disse...

contou que gritava pela praia nu

ou de excesso vestido

que é assim

outro modo de se vestir

nu...




e sim ir no tempo de todas as formas. mas mais por dentrO.


beijO :)