11.1.08

Staralfur : Blue Night : Espaço


Stefano Parrini

Adulta é a noite onde cresce
o teu corpo azul. A claridade
que se dá em troca dos meus ombros
cansados. Reflexos
coloridos. Amei
o amor. Amei-te meu amor sobre ervas
orvalhadas. Não eras tu porém
o fim dessa estrada
sem fim. Canto apenas (enquanto os álamos
amadurecem) a transparência, o caminho. A noite
por ti despida. Lume e perfume
do sol. Íntimo rumor do mundo.

Casimiro de Brito

(...)
esta noite
dormirei à luz das velas
se for preciso.

Carlos Saraiva Pinto

Apetecia a Islândia dos Sigur Rós mas, fico muito bem com o centro da Europa.
Até para a semana!


6 comentários:

angela disse...

Aqui, sim. Onde as temperaturas trazem dois dígitos. :)

Palhaço Voador disse...

boa viagem. Há mais alma em Berlim Este, perde-te nos edificios "decadentes" à volta da sinagoga.abraço :o)

margarida disse...

Bons voos e sonhos, muitos sonhos de olhos abertos.

~pi disse...

boa

viagemmmmmmmmmmmm

Por entre o luar disse...

Gostei=P

beijinhos e sorrisos*

Dalaila disse...

local fantástico onde as pedras cantam histórias, e há marcas de gente....